Posts

Hotéis para quem procura design diferenciado

Tempo de leitura: < 1 minuto

americanPara quem gosta de hotéis que valorizam a arquitetura e o design, a rede mexicana Grupo Habita é um prato cheio. Com estabelecimentos nas cidades de Playa del Carmen, Cidade do México, Monterrey, Puebla, Acapulco e Veracruz, o grupo chegou a Nova York, com o Hotel Americano.

Localizado no bairro de Chelsea, o lugar tem fachada em estilo industrial, em malha de aço inoxidável. No topo do edifício, piscina, bar, terraço e jardim costumam reunir os hóspedes para observar a cidade.

Mas os hotéis do México também são um deleite. O Hotel Habita, no bairro de Polanco, na Cidade do México, por exemplo, tem uma entrada discreta e paredes de vidro, que também reveste a fachada de cima a baixo.

No Rio, Arq.Futuro propõe debate sobre urbanismo, arte e arquitetura

Tempo de leitura: < 1 minuto
1999-Richard-Serra-Obra-reciente

Obra de Richard Serra no Guggenheim de Bilbao. Crédito: Divulgação/Guggenheim

Quem se interessa por arquitetura e estiver no Rio de Janeiro no dia 27 de maio não pode perder o Arq.Futuro, principal evento de debates sobre arquitetura e urbanismo do país.

No Teatro Adolpho Bloch, na Glória, às 15h, Carlo Ratti, diretor do MIT Senseable City Lab, e Reinier de Graaf, sócio do escritório OMA, falam sobre urbanismo e o papel da água na arquitetura e no design no painel Diálogos Urbanos: Cidades Fluidas.

Às 18h, o artista plástico Richard Serra e o crítico de arquitetura do The New York Times Michael Kimmelman conversam sobre a relação entre a cidade e a arte.

O objetivo do Arq.Futuro é contribuir para a melhoria do ambiente construído e da qualidade de vida nas cidades do Brasil. Ao mesmo tempo em que promove a preservação do patrimônio arquitetônico brasileiro, o Arq.Futuro propõe um diálogo sobre o desenho e a gestão das cidades.

 

 

VZA projeta novo layout e decoração da Luel

Tempo de leitura: < 1 minuto

nova logo LUELO escritório VZA – Vera Zaffari Arquitetura foi o escolhido para realizar o novo projeto de layout e decoração da Luel, loja de móveis e decoração que reinaugura nesta sexta-feira, 9 de maio, na Av. Ipiranga, 7464, em Porto Alegre.

Fundada por Luiz Mário Magalhães Sá e Elvete de Oliveira Garcia Sá, a Luel está estabelecida desde o ano passado no moderno edifício Central Business Park, no bairro Jardim Botânico. Inicialmente voltada para a comercialização de móveis planejados, agora a Luel passa a atuar em variados segmentos de decoração, representando fabricantes conceituados de móveis planejados em MDF, sofás, poltronas, mesas, cadeiras e outros objetos. E Vera Zaffari, com sua expertise em arquitetura comercial, projetou a nova loja.

Projeto do Heydar Aliyev Center ganha Designs of the Year 2014

Tempo de leitura: < 1 minuto

zaha-hadid-heydar-aliyev-center-baku-azerbaijan-designboom02

O prêmio Designs of the Year 2014 do Museu de Design de Londres, na categoria de arquitetura, foi para o Heydar Aliyev Center. Agora o projeto compete para o prêmio final, que será anunciado no dia 30 de junho. O prédio de oito andares está localizado em Baku, no Azerbaijão.

O complexo cultural de 100 mil m² conta com biblioteca, auditório, sala de imprensa, espaço para reuniões e estacionamento subterrâneo. A fachada mantém a marca da arquiteta Zaha Hadid, com curvas e revestimento em vidro, privilegiando a iluminação natural.

Inspiração: o design modernista do hotel Antumalal, no Chile

Tempo de leitura: < 1 minuto

antumalal-pucon.jpg.1024x0

Com design inspirado nas obras de Frank Lloyd Wright, um dos expoentes da icônica Bauhaus, o Hotel Antumalal, localizado na cidade de Pucón, ao sul do Chile, encanta pela arquitetura arrojada, que traz a natureza para dentro do empreendimento.

Contemplando a harmonia com o ambiente e a preservação da flora nativa, o hotel tem paredes lisas e revestidas de araucárias chilenas e janelas de vidro que oferecem vista panorâmica para este cenário de cartão postal – parecem quadros pendurados na parede.

Na hora de relaxar e revitalizar-se, ainda há o Spa Antumaco, estilizado com mobília de madeira, pedras e cimento, mantendo a arquitetura original e naturalmente integrado ao empreendimento – o espaço é esculpido em rochas naturais (abaixo).

spa-antumaco-pileta-hidromasaje-hotel-antumalal-pucon.jpg.1024x0

 

Lojas Renner: primeira do segmento no País

Tempo de leitura: < 1 minuto

Lojas RennerUm estudo realizado pela Interbrand e divulgado recentemente aponta Lojas Renner como a maior marca do País em seu segmento, a segunda maior marca do varejo brasileiro e a nona mais valiosa da América Latina. Especificamente em vestuário, Lojas Renner figura em terceiro lugar no continente, ficando atrás da argentina Falabella e da mexicana Liverpool.

Vários pontos contribuíram para o boom de Lojas Renner nos últimos tempos. Um plano de expansão agressivo, a aquisição da Camicado e o forte investimento em tecnologia e logística – incluindo a atenção à arquitetura comercial de seus pontos de venda – justificam os belos números.

Vale lembrar Lojas Renner é cliente VZA – Vera Zaffari Arquitetura, escritório responsável por aproximadamente 50 projetos de pontos de venda da marca espalhados pelo Brasil.

Leia o estudo completo no site da Interbrand.

The Bow, luxo e preocupação com o meio ambiente

Tempo de leitura: < 1 minuto

thebow2O sucesso na cidade de Calgary, no Canadá, atende pelo nome de The Bow. Trata-se de um edifício de 237 metros de altura que imprime à linha do horizonte sofisticação e modernidade. Contudo, o empreendimento destaca-se ainda mais na área de sustentabilidade, aliando com maestria a arquitetura comercial à preocupação com o meio ambiente.

projeto do The Bow é importante em termos urbanos, sociais e ambientais. A base pública da torre abriga lojas, restaurantes e cafés com tratamento paisagístico. Os andares de escritórios são pontuados por três jardins aéreos de seis andares, que incentivam a ventilação natural e ajudam a reduzir significativamente o consumo de energia.

A forma do edifício foi moldada a partir da análise do clima. A torre virada a sul curva-se em direção ao sol para tirar proveito da luz do dia e do calor. Em relação às curvas para o interior do edifício, a fachada envidraçada é puxada para a frente para criar uma série de átrios que correm por toda a altura da torre. Esses espaços funcionam como zonas de barreiras climáticas, isolando o edifício e ajudando a reduzir significativamente o consumo de energia.

 

Rede alemã recria ambientes de destinos de aventura

Tempo de leitura: < 1 minuto

RedeAlemãAntenada com as novas tendências do varejo mundial – proporcionais experiências inusitadas aos consumidores, utilizando a tecnologia e a arquitetura comercial -, a rede de lojas de artigos esportivos alemã Globetrotter simula as condições que os aventureiros encontrarão na natureza. 

Itens impermeáveis podem ser testados em uma cabine onde a água cai como se fosse chuva. Casacos e sacos de dormir especiais para a neve podem ser provados em um ambiente com temperatura negativa. Paredes de escalada podem ser usadas por quem quiser comprar materiais para a atividade e uma piscina que parece um pequeno lago fica disponível para os clientes que quiserem navegar com os caiaques à venda.

Veja mais: http://bit.ly/1jxXQRF .

 

 

Fronteira entre lojas virtuais e físicas segue diminuindo

Tempo de leitura: < 1 minuto

Mkt03A inserção de objetos virtuais no ambiente físico, com o apoio de dispositivos tecnológicos, vem chegando aos poucos ao varejo nacional. O conceito tecnológico não é novo, mas ganha cada vez mais evidência com campanhas institucionais que promovem a relação real/virtual em um ambiente mais amplo de mercado. Além das lojas, ruas e espaços públicos também estão sendo repensados sob essa ótica. Assim, salões de beleza usam a realidade aumentada para simular cortes de cabelo, por exemplo. “As pessoas querem tocar, sentir, cheirar, experimentar, interagir, conviver, deixar-se encantar. É isto que faz com que uma pessoa queira ir à loja”, explica a arquiteta Vera Zaffari. Nesse sentido, o investimento em Arquitetura Comercial torna-se um diferencial que contribui para o avanço das vendas e a satisfação dos garantidas dos clientes.

Os ambientes no varejo devem proporcionar experiências inspiradoras ao consumidor, que busca autenticidade, conforto, praticidade e interatividade durante a compra. Nesse escopo, o investimento em Arquitetura Comercial contribui para a melhoria do negócio e a captação e fidelização de clientes.

Sustentabilidade para conquistar o mercado

Tempo de leitura: < 1 minuto

lojasverdesAs principais redes de supermercados do Reino Unido têm apostado em programas agressivos de redução de emissão de carbono, usando a sustentabilidade como diferencial mercadológico. Companhias ambientalistas como a McKeever vêm trabalhando com os supermercadistas para conceber as próximas descobertas em design de lojas ecológicas, no maior clima de competição saudável – o que tem colocado os supermercados britânicos muito à frente de outros setores do varejo no quesito sustentabilidade.

A rede britânica Tesco, por exemplo, foi considerada a varejista mundial número um no combate às mudanças climáticas em função do seu projeto de descarte de carbono. Em 2010, inaugurou a primeira loja do mundo com emissão zero de carbono, em Ramsay, Cambridgeshire, na Inglaterra. E, desde então, abriu mais duas unidades, seguindo o mesmo padrão. Entre as ações, as filiais utilizam luz natural e placas solares para reduzir o custo de iluminação das lojas, além da água da chuva para a descarga dos banheiros e lavagem de carros.

Outro exemplo é a Sainsbury’s, cuja primeira ecoloja foi inaugurada há cerca de uma década. A rede utiliza um sistema, desenvolvido em parceria com uma empresa de petróleo, que direciona o calor gerado pelas unidades refrigeradas para 500 metros abaixo do solo, em uma série de pequenos túneis, que simultaneamente aquecem e esfriam as lojas.

Leia mais: http://bit.ly/1dxy2G3